França x Brasil – Amistoso Internacional

Que o Brasil tem a seleção mais vencedora em Copas do Mundo ninguém discute. Mas uma seleção em especial tira o sono dos brasileiros quando o assunto são os mundiais: a França.

Os bleus eliminaram o Brasil da Copa do Mundo em três oportunidades: no México em 1986, Michel Platini e companhia eliminaram o Brasil de Telê Santana e Zico nas quartas de final. Em 1998 foi a vez de Zinedine Zidane comandou os franceses ao seu primeiro título mundial, vencendo a seleção canarinho na final por 3×0 e em 2006, na Alemanha, com novo show de Zidane e gol de Thierry Henry o Brasil caiu novamente nas quartas.

A seleção brasileira não vence os franceses há quase 19 anos. A última vitória foi em 26 de agosto de 1992, em um amistoso disputado na casa dos rivais. De lá para cá, dois empates e três derrotas.

O duelo de hoje marca o confronto de duas seleções que buscam renovação após um mundial frustrado na África do Sul. Os franceses comandados por Raymond Domenech sequer passaram da primeira fase. O Brasil comandado por Dunga caiu contra a Holanda nas quartas de final.

Para curar os insucessos, os bleus contrataram o antigo zagueiro titular nas conquistas da Copa de 98 e da Euro 2000 Laurent Blanc, enquanto os brasileiros preferiram apostar em Mano Menezes. Aliás, Mano tem se saído muito bem na função, acumulando três vitórias e uma derrota em quatro jogos a frente da seleção canarinho.

Para o jogo de hoje a novidade é o meia Renato Augusto (foto), do Bayer Leverkusen. Formado no Flamengo, o meia é um dos grandes destaques da Bundesliga na temporada atual. Pela França o destaque fica por conta de Gourcuff, meia atacante do Lyon.

Confira os detalhes do jogo:

FRANÇA X BRASIL

Local: Stade de France, em Paris (FRA)
Data: 9 de fevereiro de 2011 (quarta-feira)
Horário: 18h (de Brasília)
Árbitro: Wolfgang Stark (ALE)

FRANÇA: Lloris; Sagna, Mexès, Rami e Abidal; Aliou Diarra, Diaby, Gourcuff e Menez; Rémy e Benzema

BRASIL: Julio César; Daniel Alves, David Luiz, Thiago Silva e André Santos; Lucas, Elias, Hernanes e Renato Augusto; Robinho e Alexandre Pato

O Brasil quebra este tabu hoje ou a maldição continua?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: