Rafael Moura explica insatisfação: ‘É porque não me acomodo’

Através de nota, He-Man nega descontentamento com grupo ou técnico e diz: ‘Nenhum jogador fica feliz na reserva’

Após as declarações sobre o descontentamento com a reserva do Fluminense, o atacante Rafael Moura explicou que o incômodo não é com o grupo ou com o técnico Enderson Moreira por preterí-lo em relação aos concorrentes, e sim porque ele não está ‘acomodado’ no clube.

– Tenho feito meu trabalho da melhor maneira e, quando digo que estou insatisfeito no banco, é porque não me acomodo. Nenhum jogador fica feliz quando está na reserva e, se ficar, é porque há algo de errado. Aqui, no Fluminense, todos os atacantes que estão no grupo são grandes jogadores e, mais que isso, grandes amigos. Existe muito respeito entre nós e sabemos que a briga pela posição vai acontecer dentro de campo, durante os treinamentos e os jogos. É uma disputa sadia e leal. Estamos vivendo um momento decisivo, nosso destino na temporada será definido nesses próximos dois jogos e tenho certeza que todos só querem ajudar o time – disse por meio de sua assessoria.

No domingo, Rafael Moura deve estar novamente no banco de reservas, diante do Nova Iguaçu, no Engenhão.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: