Abel lamenta derrota na estreia e avisa: ‘Não fui eu que escalei o time’

Técnico confirma apresentação para o dia 8 de junho e lembra que ainda não comanda o Fluminense ao comentar a posição de Edinho em campo

Abel Braga fez questão de acompanhar a estreia do Fluminense no Campeonato Brasileiro. De Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, onde comanda o Al Jazira, o treinador viu o jogo contra o São Paulo e ainda gravou o confronto para analisar os erros de seus futuros jogadores. A derrota em casa, obviamente, não foi o resultado que ele esperava. Mas Abel disse que o resultado foi justo e deixou claro que ainda não tem responsabilidade sobre a escalação e atuação da equipe.

– Venceu quem foi melhor. O São Paulo veio com quatro volantes e esperou o Fluminense. Ainda falaram que eu mandei o Edinho jogar no meio. Quero deixar claro que o Abel não está ai. Não fui eu que escalei o time e não mando nada. O Fluminense hoje tem um treinador e ele precisa ser respeitado. Sobre como o time joga ou deixa de jogar, eu não tenho nada a ver. Não vão colocar essa na minha conta – explicou o treinador em entrevista à Rádio Globo.

A declaração vai de certo ponto ao que o interino Enderson Moreira disse logo após a derrota para o time paulista. Depois de falar na Granja Comary, em Teresópolis, que era o responsável pelas decisões envolvendo a equipe até a chegada de Abel Braga e que tinha liberdade para tomá-las, no vestiário em São Januário o treinador revelou que há, sim, limitações em suas ações e pediu paciência até a chegada de seu substituto.

– O trabalho do treinador interino tem limitações. Não posso fazer tudo só do jeito que eu penso. É importante fazer a transição da melhor maneira possível. Lógico que seria importante com vitórias. O Abel vai chegar, fazer as escolhas dele, e é necessário paciência neste momento. Não podemos radicalizar – analisou o interino.

Certo mesmo é que a espera da torcida tricolor por Abel está perto do fim. O comandante confirmou que será apresentado em duas semanas.

– Isso já está definido. Me apresento no dia 8. Tentei antecipar essa data, mas não foi possível. A Família Real vai ao último jogo só para entregar a taça e as medalhas. Preciso estar presente – disse à Rádio Globo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: