Defesa do Flu cai de rendimento, mas não preocupa diretoria

Eleita melhor defesa do Brasileirão 2010, zaga tricolor cai de rendimento, mas contratação de zagueiro não é prioridade

Mesmo após a conquista do Brasileiro com a defesa menos vazada, o técnico campeão, Muricy Ramalho, alertou para a necessidade de contratação de mais um zagueiro para o elenco. Desde então, as opiniões se dividiram. Enquanto o presidente da patrocinadora, Celso Barros, busca um nome de referência para o setor, o presidente Peter Siemsen não concorda com a urgência da situação, priorizando outras posições. Hoje, a única certeza é a queda de rendimento da zaga, que passou da média de 0,94 gol por partida, em 2010, para 1,26 este ano.

– Não vejo grande necessidade para a contratação de um zagueiro. Leandro Euzébio voltou a jogar, Digão está em fase final de recuperação e ainda temos o Edinho, que já foi aproveitado na posição – disse o presidente tricolor.

O elenco conta atualmente com cinco zagueiros. Além de Leandro Euzébio e Edinho, completam o grupo Gum, André Luis e Thiago Sales. Este último, ainda não jogou. O argumento do presidente é o fato de que as peças são as mesmas do ano passado.

Então, como explicar o declínio de uma defesa que sofreu 33 gols em 26 jogos disputados em 2011? Com a palavra, o futuro treinador tricolor e ex-zagueiro, Abel Braga:

– Acho que o desempenho de um setor depende da postura de todo o time. Precisamos compactar a equipe. A pegada tem que vir de todos: da defesa, do meio-campo e do ataque.

Opiniões à parte, o Fluminense teve dificuldades na Libertadores, quando perdeu dois zagueiros por contusão: Leandro Euzébio e Digão. O volante Edinho foi improvisado na zaga e acabou sendo mais elogiado do que próprios da posição.

BALANÇO DAS DUPLAS

A melhor defesa do Brasileirão do ano passado – com 36 gols sofridos em 38 rodadas – teve na dupla Gum e Leandro Euzébio seu melhor desempenho. Em 19 jogos (equivalente a um turno da competição), só foram 16 gols tomados, menos de um por jogo. Foi a parceria mais frequente em 2010. O trio formado pelos dois mais André Luis também foi bem, com quatro gols em seis partidas.

O ano passou e a boa fase da defesa tricolor, também. A segurança que Gum e Leandro Euzébio davam caiu bastante com os 15 gols sofridos nas 11 partidas em que formaram a dupla de zaga. Digão e André Luis também foram testados, mas o rendimento não voltou ao padrão da temporada anterior. Em apenas 26 jogos, o Flu já foi vazado 33 vezes, número já próximo dos 36 do BR-10.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: