Problemas contratuais tiram o meia Marquinho do jogo contra o Coritiba

Jogador acertou renovação com o Flu em junho, mas novo acordo ainda não foi assinado e diretoria optou por não relacioná-lo após receber proposta

O Fluminense sofreu um desfalque de última hora para a partida contra o Coritiba, no próximo sábado, às 18h30m (de Brasília), no Couto Pereira. Marquinho está fora por problemas contratuais. Ele, inclusive, nem embarcou com a delegação para a capital do Paraná. No dia 24 de junho, o apoiador acertou a prorrogação de seu contrato até dezembro de 2013. Só que o novo compromisso ainda não foi assinado e, enquanto isso não acontecer, ele não será mais relacionado.

Segundo o Fluminense, Marquinho recebeu proposta de um clube não revelado e não vai jogar para não completar a sétima partida no campeonato, o que o impediria de defender outro time. O vice-presidente de futebol Sandro Lima definiu, em conversa com Abel Braga, que seria melhor deixar o jogador fora até que a situação se resolva.

Ainda de acordo com o clube, Marquinho ainda não assinou a renovação porque, na última semana, o departamento jurídico esteve ocupado com as vendas de Conca e Adriano Michael Jackson para o futebol chinês.

Segundo informações de pessoas ligadas à diretoria, no entanto, o empresário do apoiador, Márcio Rivellino, tem atrapalhado as negociações pois julgou que a venda de Conca fazia com que Marquinho se tornasse ainda mais importante para o elenco tricolor e resolveu aumentar a pedida que já havia sido acordada verbalmente. A diretoria não concordou e desde então as negociações estagnaram. Para piorar a questão, a relação com Rivellino, que também cuida da carreira de Muricy Ramalho, ficou estremecida desde a saída do treinador.

Como não houve rescisão alguma, o atual contrato, que vai até dezembro deste ano, segue em vigor. Por isso, Marquinho tem condições de jogo e, inclusive, estava relacionado para a partida.  Através da sua assessoria de imprensa, o camisa 7 garantiu que ele mesmo negocia seu contrato com o Fluminnese, negou qualquer participação de Márcio Rivelino nas renovação e confirmou que não vai atuar para não completar o sétimo jogo.

O jogo seria emblemático para Marquinho. Afinal de contas, o último encontro entre Fluminense e Coritiba foi justamente o último jogo do Brasileiro de 2009. Na ocasião, o apoiador marcou o gol no empate em 1 a 1 que acabou salvando o Tricolor do rebaixamento. No fim da partida, a torcida dos donos da casa, revoltada com o rebaixamento do Coxa, iniciou uma batalha campal que resultou em inúmeros feridos e na destruição de partes do Couto Pereira. Seria o seu retorno ao estádio.

Diogo, Fernando Bob e até mesmo Deco, que iria começar entre os reservas segundo planejamento da comissão técnica, brigam pela vaga de titular. Com 12 pontos conquistados, o Fluminense ocupa a nona posição na tabela do Campeonato Brasileiro. Já o Coritiba tem dez pontos e atualmente está na 14º posição.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: